“Toda menina é uma princesa”

Esta é uma das falas do filme “A princesinha” (1995), remake de “The little princess” (1939, com Shirley Temple no papel principal). Baseado no conto infantil de Frances Hodgson Burnett (mesma autora de O jardim secreto), sempre foi um dos meus filmes favoritos (nas duas versões).

"A princesinha" nas duas versões: 1995 e 1939

“A princesinha” conta a história da menina Sarah, criada por seu pai, um homem muito rico, na selva da Índia, cercada por contos repletos de fantasia. Ao ser convocado para a guerra, o pai envia a filha a um colégio interno para garotas ricas, em N.Y, onde Sarah conhece um lado da vida que é triste e sem fantasia, graças à severidade e rigidez que a diretora da escola impõe às alunas.

Tudo piora quando chega a notícia da suposta morte do pai de Sarah. Para arcar com suas despesas, a menina passa de aluna à criada no colégio. Apesar de tudo, ela não se deixa abater e, com muita imaginação consegue transformar a realidade em que vive e dar a volta por cima, pois sabe que, no fundo, no fundo “toda menina é uma princesa”.

Inspirada no filme, procurei alguns modelinhos de coroas de feltro para enfeitar nossas princesinhas:

Estas eu encontrei no site “Educação de Infância“.

Esta eu encontrei no “Paper, gadgets, supplies“.

Estas, acima, são da “Atelier Pequeno“.

A coroa fofa, aí de cima, eu encontrei no blog “Minha casa, meu mundo“.

Almofadinhas dignas de uma princesinha, by “Banana Craft“.

Para um Baile Real, by “Trendy Tree“.

Para imprimir e colorir.

Para se inspirar e confeccionar a sua.

Gostou?

Beijos e até o próximo post, minhas princesas.

Minha Princesa (Gilberto Gil)

Minha princesa
Quanta beleza coube a ti
Minha princesa
Quanta tristeza coube a mim
Na profundeza
O amor cavou
O amor furou
Fundo no chão
No coração do meu sertão
No meu torrão natal
Meu berço natural
Meu ponto cardeal
Meu açucar, meu sal

Oh, meu guerreiro
O teu braseiro me queimou
Oh, meu guerreiro
Meu travesseiro é teu amor
Meu cangaceiro
Que me pegou
Me carregou
Que me plantou no seu quintal
Me devolveu
Minha casa real
Minh’alma original
Meu vaso de cristal
E o meu ponto final

Nossos destinos
Desde meninos dão-se as mãos
Nossos destinos
De pequeninos eram irmãos
E os desatinos
Também tivemos que vivê-los
Bem juntinhos
E os caminhos
Nos trouxeram para este lugar
Aqui vamos ficar
Amar, viver, lutar
Até tudo acabar

Anúncios

2 respostas em ““Toda menina é uma princesa”

  1. Olá! Que surpresa boa! Eu estava fazendo umas pesquisas para o aniversário da minha filha quando dei de cara com minhas coroas no seu blog!! Fiquei super feliz! Já colhi várias outras dicas por aqui! Obrigada e volte sempre!! Bjssssssssssssss, Nayara (já tá no blog e no face tb!!)

    • Olá Nayara, adorei sua visita em meu blog. Estou me aventurando pelo mundo do artesanato há pouco tempo e estou me apaixonando por este mundo encantado de ideias sensacionais, como as suas.

      Pode ter certeza que voltarei sempre ao seu blog sim.
      Vou adicioná-la no face para mantermos contato e trocarmos ideias.
      Beijocas!

      Amanda Paz

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s